Muitos internautas buscam pela resposta de “Setealém o que é?”. Pois, após vários relatos de pessoas que foram parar lá, o assunto viralizou na web. Então, se você está curioso a respeito do tema, esse é o lugar certo!

Aqui, vamos responder tudo a respeito dessa realidade alternativa. Confira!

Setealém o que é?

Segundo os relatos das pessoas que supostamente foram parar no Setealém, ele é uma realidade alternativa, com bastante similaridade com a nossa. Exceto pelos seus moradores e a estética do local – que tende a ser bem sombria.

A lenda é de que a primeira pessoa que foi parar nesta outra dimensão é daqui do Brasil e aconteceu nos anos 90. Segundo a vítima, ela estava no transporte público e de repente teve contato com essa outra realidade.

Atualmente, o Setealém faz parte de uma espécie de creepypasta, que faz bastante sucesso na internet e atrai muitos leitores.

Setealém relatos?

Agora que você já sabe a resposta para “Setealém o que é?”, chegou a hora de conhecer os relatos mais impressionantes a respeito dessa outra dimensão.

Passeio de Ônibus

Luciano Milici é a primeira pessoa a narrar experiências com o Setealém. Segundo o homem, ao embarcar no transporte público em uma noite qualquer, como sempre fazia, ele notou que os outros passageiros estavam incomodados com a sua presença.

Logo em seguida, uma passageira perguntou se o seu destino era o Setealém. Luciano disse que não. Então, a mulher disse que ele deveria descer daquele ônibus antes que ele arrancasse.

O homem achou estranho, mas obedeceu. Anos depois, Luciano criou uma comunidade no Orkut chamada Setealém, para encontrar pessoas que vivenciaram algo semelhante.

A comunidade foi um sucesso total e várias outras pessoas narram suas experiências na outra dimensão.

O Telefonema

Antônia, que é uma enfermeira e na época tinha 40 anos, compartilhou o seu relato sobre a possível ida da sua filha para Setealém. A mulher disse que um dia estava assistindo televisão com a sua filha Patrícia, de 7 anos, e o telefone tocou.

Ela atendeu a ligação e um homem com voz estranha falou que ela deveria ir até a escadaria do condomínio, buscar a sua filha. Pois, Patrícia havia se perdido e ele a deixou lá.

O homem também disse que a garotinha estava vestida com uma camisa verde e muito assustada. Então, Antônia pensou ser um trote ou engano, já que sua filha estava bem na sua frente.

Mas logo o homem desligou a ligação, sem dar mais explicações. Na semana seguinte, Patrícia foi para uma festinha com o pai. A enfermeira lembra de ter vestido uma blusa rosa na filha, mas ela chegou em casa com uma blusa verde e bastante assustada.

Após muita insistência para saber o que havia acontecido, a garotinha disse que derramou suco na sua blusa e precisou trocar. Que na hora, ela ficou com raiva e saiu do prédio da namorada do seu pai e se perdeu, indo parar no prédio Setealém.

Patrícia também narrou que ficou com muito medo e chorou gritando por seu pai. Foi nessa hora que um senhor bonzinho de olhos amarelos a abordou e perguntou o que estava acontecendo. A menina pediu para que ele ligasse para a sua mãe ir buscá-la.

Então ele ligou e informou que ela estava sentada na portaria do prédio, mas que sua mãe não acreditou. Antônia ficou gelada na hora e se lembrou do telefonema da outra semana.

Ela perguntou como a Pátria havia voltado, se aquela história era verdade. A menina disse que após ter ficado dias na casa do homem, ele mandou ela descer as escadas e seu pai a encontrou.

O Banheiro do Shopping

Júlio, morador de Porto Alegre, disse que foi com a sua namorada a um shopping para assistir um filme no cinema. Quando os dois deixaram a sessão, eles caminharam pelos corredores e olharam as vitrinas, foi então que o homem decidiu ir ao banheiro.

Havia 5 pessoas no local e ele teve que esperar até chegar a sua vez de usar um dos mictórios. Quando terminou de urinar, reparou que o ambiente parecia diferente, mas não conseguia explicar o que era.

Ele lavou as mãos e reparou que a água estava esquisita, morna e muito espessa. Pensou que estivesse enlouquecido. Mas, simplesmente saiu pela porta. Já fora do banheiro, Júlio notou que os corredores, apesar de parecer os mesmos, estavam completamente diferentes, bem macabros.

O shopping parecia bem mais velho e desgastado, com a luz fraca. As lojas que vendiam roupas, livros e brinquedos, agora vendiam animais vivos e mortos, ganchos, ferraduras e engrenagens.

As pessoas eram bem parecidas entre elas e possuíam uma risada sinistra, como um choro rouco. Elas o ignoravam completamente. Até uma garotinha perguntar a um dos vendedores se Júlio iria comprar uma ferradura que olhava.

– Não, não, ele não vai comprar, pode pegar. Acho que ele nem é daqui de Setealém. – Respondeu o homem.

Júlio voltou para o banheiro e após aguardar uns minutos, deixou o local novamente, retornando para o shopping que conhecia.

Setealém como ir?

Setealém o que é

Setealém o que é – Reprodução

Não existe uma maneira comprovada de ir parar no Setealém. Até o momento, os relatos de pessoas que foram para essa outra dimensão, dizem ter sido o acaso que as levaram até lá.

Ou seja, para você ir para o Setealém tem que ser o seu dia de sorte – ou de azar – já que os relatos sobre a experiência não são muito agradáveis.

Setealém portal

De acordo com os relatos lidos na internet, o portal para o Setealém pode ser aberto a qualquer hora e em qualquer lugar. Isso significa que você pode levantar para usar o banheiro durante a madrugada e atravessar um portal para essa realidade alternativa.

Por esse motivo, nós do Terror em Pauta evitamos lugares com iluminação escura, passar em ruas isoladas, pegar desvios em estradas ou andar de transporte público tarde da noite. Afinal de contas, todo cuidado é pouco!

Setealém fotos

Aparentemente, o terror e o incômodo foram tão grandes, que ninguém que foi parar no Setealém lembrou de tirar fotos para comprovar a sua versão da história. Portanto, infelizmente não temos imagens registradas do local.

Então, pedimos encarecidamente que se você parar acidentalmente nesta dimensão alternativa, tire fotos de tudo que conseguir e envie para a nossa equipe do Terror em Pauta!

Compartilhe esse texto nas suas redes sociais, para mais pessoas saberem a resposta para “Setealém, o que é?”.

Tags:

No responses yet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *