Nas últimas semanas, as redes sociais ficaram alvoroçadas com a notícia de que Mark Zuckerberg, conhecido por ser o criador do Facebook, investiu cerca de 1,3 bilhão de dólares na construção de um bunker.

Mas afinal, o que é bunkers e porque os bilionários estão construindo essas espécies de fortalezas? Confira a resposta neste texto!

O que é bunkers

O que é bunkers – Reprodução

O que é bunkers?

Se você acompanhou as últimas notícias, mas ainda não sabe bem do que se trata esse estilo de construção, neste tópico você confere o que é bunkers e para que eles servem.

Nesse contexto, os bunkers são fortificações subterrâneas, que podem ter diversos formatos – lembrando uma casa ou um prédio – cujo objetivo é abrigar pessoas no caso de um colapso global, sejam eles desastres naturais, guerras mundiais ou apocalipse tecnológico.

Eles são construídos de forma a possibilitar a vida, sem precisar subir à superfície, durante longos anos consecutivos. Para isso, os bunkers costumam ter sistema de ventilação e purificação de ar, quartos, cozinhas, sistemas de água limpa, áreas de plantio, etc.

Porque os bilionários estão investindo alto em bunkers?

Na última semana, saiu a notícia de que o bilionário da tecnologia, Mark Zuckerberg, conhecido por criar o Facebook, construiu um bunker particular no valor de 1,3 bilhão de dólares.

Logo em seguida, a internet descobriu que não somente Zuckerberg, mas que vários bilionários estão investindo nos bunkers. A notícia gerou grande comoção nas redes sociais, que se perguntaram: o que eles sabem que não sabemos?

A principal teoria que parte dos internautas, apontaram que os bilionários estão com dinheiro sobrando e apenas seguindo uma nova moda de luxo. Contudo, essa não é uma opinião muito popular. Pois, existem aqueles que acreditam que eles estão se preparando para algo terrível.   

Bunker

Bunker – Reprodução

Os 1% mais ricos do planeta estão sabendo de algo que não estamos?

De acordo com o funcionamento da nossa sociedade, sabemos que os mais ricos têm fácil acesso a informações sigilosas, que dificilmente chegam às grandes massas. Então, é bem possível que os 1% mais ricos estejam sabendo de algo que não estamos.

Uma coisa é verdade, por mais que não sejamos informados de todos os possíveis colapsos globais, sabemos que estamos prestes a encarar uma luta por água potável e que a cada ano, os invernos estão mais frios e os verões mais quentes.

Além disso, nos últimos anos, grandes países como a Rússia e a Ucrânia entraram em guerra, gerando o medo do envolvimento de outros países, resultando em uma terceira guerra mundial.

Também existe a possibilidade de um colapso tecnológico. Já que a nossa tecnologia está ficando cada vez mais avançada, ameaçando exterminar vários empregos ou como mostra os filmes, até mesmo a raça humana.

Como visto, são muitos os perigos que rondam a vida na terra. Então, a construção de bunkers por aqueles que podem investir neles, não é algo totalmente incomum.

Como se proteger de um possível colapso global?

Não existem dados que mostram que após um colapso global de origem ambiental, armamentista ou tecnológico, os bunkers resistiram por muito tempo. Contudo, eles são a melhor aposta.

Para se preparar bem para os possíveis desastres citados, é preciso saber a situação atual do nosso planeta e estudar os desdobramentos dela. Por exemplo, segundo os cientistas, a crise ambiental mais próxima a ser enfrentada pela humanidade é a escassez de água potável.

Tags:

No responses yet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *